Comente e exercite a sua mente...

Páginas

quarta-feira, 26 de maio de 2010

O que se quebrou...


O fim não é inteligente
Além de tudo machuca a gente
Agora é hora de recomeçar
Juntar os cacos e voltar a sonhar

Sonhar com um amor que não é ilusão
Que seja de fato amor em seu coração
Desculpe-me por eu saber pecar
Mais meu pecado maior foi te amar

Eu sei que agora você me esqueceu
O gosto de brincar em você se perdeu
Mas seu brinquedo continua aqui quebrado
E como sempre fazendo do certo o errado...


Saulo Prado

Aproveito para te convidar para conhecer meu novo Blog:  VITROLA E POESIA

5 comentários:

Sandra Botelho disse...

O amor nunca termina
Ele se encerra e germina.
Como semente enclausurada
que brota pelo sol iluminada...

Bjos achocolatados

Sonhadora disse...

O amor se renova...ou não.

Beijinhos
Sonhadora

Patrícia de Assis disse...

Que lindo!

Abs

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Meu Poeta!

A solução:juntar os cacos!

Em matéria de restauração você é um mestre!

Um beijo!

Sonia Regina.

Madre Del'Alma disse...

Ao sabor do vento me deixo levar sem destino...E quando dou por mim...aqui estou...saboreando, desgustando, relembrando, sentimentos, emoções, memórias...MARAVILHOSO ESPAÇO!
Me encantei com seu poema...Sabe por que? Porque me permitiu essa viagem nas minhas memórias. Algumas, já bem distantes, mas, que ajudaram muito quando colei meus caquinhos.E, hoje, elas são como uma bela colcha de retalhos, que enfeita o meu lindo, PRESENTE.

Deixo meu carinho agregado das Bênçãos de nuestra Madre

Namastê!

Jataí-Goiás Minha Linda Cidade...

Me diga da onde você é?

Me encontre também no Twitter...

Quer ser meu amigo no Okut?É só dar um clik na imagem e me adicionar...

Related Posts with Thumbnails